Publicado em: qua, mar, 2014

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Picos adere à parada nacional da educação

Em assembleia geral extraordinária realizada às 17h da última segunda-feira, 10, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Picos (Sindserm) decidiu participar da Parada Nacional da Educação. O movimento acontece entre os dias 17 e 19 de março e pretende paralisar as atividades em todas as escolas da rede oficial de ensino no país.

O movimento é encabeçado pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE). Dentre as reivindicações estão o cumprimento da lei do piso, carreira e jornada, investimento dos royalties de petróleo na valorização da categoria, votação imediata do Plano Nacional de Educação, destinação de 10% do PIB para a educação pública e contra a proposta dos governadores e o INPC.

O Sindserm de Picos preparou uma série de atividades durante a parada. No dia 17, às 7h30, em frente à sede do sindicato, concentração dos servidores municipais e abertura da mobilização com o tema: “O voto da educação vale muito”.

No dia 18, das 8 às 11h, no auditório da Associação Comercial e Industrial da Grande Picos, palestra com o tema: “Piso Salarial Nacional da Educação”. Das 14 às 17h, conferência abordando o tema: “Plano Nacional da Educação/PNE”.

Na quarta-feira, 19, ato público pelas principais ruas da cidade. Concentração a partir das 7h da manhã na praça João Leopoldo e caminhada com destino a sede do sindicato, situada à rua Padre Madeira, em frente ao Palácio Coelho Rodrigues.

José Maria Barros

Edna Moura, presidente do Sindserm

Edna Moura, presidente do Sindserm

ÚLTIMAS NOTÍCIAS


Faça um Comentário

XHTML: Você pode usar essas tags html: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>